Kawasaki convoca proprietários da Ninja 400 para recall

Kawasaki Motores do Brasil Ltda anunciou a convocação dos proprietários de 1060 motocicletas modelo Ninja 400 ano 2019, fabricadas entre agosto de 2018 e julho de 2019, com numeração de chassi final 0001 até 1060, para agendar uma visita a uma das concessionárias autorizadas para a substituição do rolamento do flange da coroa da roda traseira.

Nas unidades afetadas o rolamento do flange da coroa da roda traseira foi instalado sem a aplicação de graxa lubrificante. Isso pode resultar na quebra do rolamento, provocar uma instabilidade na condução e criar o potencial para uma queda ou colisão. O uso da motocicleta deverá ser suspenso imediatamente até que a verificação seja realizada.

Os agendamentos já estão disponíveis nas concessionárias Kawasaki e o tempo estimado para a realização do reparo pode levar até 1h30. Para mais informações, ligue 0800-773-1210, das 8h às 19h.

Nova Lei de recall

Entrou em vigor no dia primeiro de outubro a portaria que cria o Serviço Nacional de Registro e Notificação de Recall de Veículos. O objetivo é aprimorar o serviço de aviso a consumidores para substituição ou reparo de veículos após a sua entrada no mercado. Na prática, significa que as informações serão mais acessíveis e que chegarão até o atual dono do veículo, com menor burocracia, por meio digital.

Além disso, aqueles que possuírem cadastro atualizado no Portal de Serviços do Denatran serão também avisados pelo e-mail. Essas ações visam facilitar a comunicação com os donos de veículos para que os reparos sejam feitos o mais rápido possível e para que não ocorram acidentes.

No documento

Outra novidade é a inclusão, em breve, do chamamento nos documentos físicos do veículo. A intenção é agilizar ainda mais o processo, que tem sido realizado por jornais, sites de notícias, rádio e televisão, e mais recentemente no aplicativo para smartphones Carteira Digital de Trânsito.

O Governo Federal também encaminhou uma proposta de subsídio para um projeto de lei que proíba a transferência do veículo que não estiver com o recall regularizado.