Pesquisa desenvolve recarga ultrarrápida para carros elétricos

 

A recarga de baterias de carros elétricos poderá em breve ser tão rápida quanto abastecer um veículo com combustível. A Porsche divulgou nesta quinta-feira (13) a instalação de um protótipo para uma estação de carregamento com uma produção de até 450 kW. A unidade entrou em operação nessa quarta-feira (12) em Jettingen-Scheppach, na Alemanha. A atual demora na recarga das baterias é um dos principais empecilhos para o uso em grande escala de veículos elétricos.

Em média, a operação leva 8 horas para uma recarga completa, o que garante uma autonomia de 400 a 500 km. Alguns carros contam com tecnologia para recarga rápida para circularem por mais 100 a 150 km. De qualquer forma, isso não é feito em menos de 40 minutos. Esse tempo inviabiliza, por exemplo, o uso de um carro elétrico em uma viagem longa ou para o transporte de carga entre cidades. Segundo a Porsche, a tecnologia de ultra-alta potência poderá sanar essa barreira no futuro.

100 km de autonomia em 3 minutos

A fabricante alemã integra um consórcio de pesquisa de criação de um sistema de recarga de baterias mais rápida do que o atual.  O projeto se chama “FastCharge”. A nova estação de carregamento é adequada para modelos elétricos de todas as marcas com a variante de padrão europeu Tipo 2 do amplamente utilizado Sistema de Carregamento Combinado (CCS). Nessa fase de testes, a recarga pode ser feita gratuitamente.

Um veículo de pesquisa da Porsche fez uma recarga para rodar 100 km em apenas 3 minutos. O carro tem capacidade líquida de bateria de aproximadamente 90 kWh e alcançou uma capacidade de carga de mais de 400 kW na nova estação de carga. A fabricante está empenhada no desenvolvimento da mobilidade elétrica. O seu primeiro modelo com essa tecnologia, o Taycan, será lançado em 2019.

 

 

O projeto de pesquisa “FastCharge”

Iniciado em julho de 2016, o projeto de pesquisa “Fast Charge” recebeu 7,8 milhões de euros (R$ 34,14 milhões) em financiamento do Ministério Federal dos Transportes e Infraestrutura Digital da Alemanha. A implementação das diretrizes de financiamento está sendo coordenada pela Organização Nacional Alemã de Hidrogênio e Tecnologia de Células a Combustível (NOW). O consórcio industrial inclui fabricantes de automóveis, a BMW, Porsche, bem como operadores Allego, Phoenix Contact E-Mobility (tecnologia de carregamento) e Siemens (engenharia elétrica).

Aumentar a capacidade de carga disponível para até 450 kW permite que os tempos de carga sejam reduzidos significativamente. A capacidade de carga dos novos FastChargers é de três a nove vezes mais alta do das estações de carregamento rápido atualmente existentes. O projeto “FastCharge” examina as condições técnicas que precisam ser atendidas em termos de veículos e infraestrutura. A proposta é permitir que capacidades de carga extremamente altas sejam aplicadas.

Os protótipos da estação de carregamento apresentados utilizam a ficha de carregamento do Sistema de Carregamento Combinado (CCS). Este padrão de carga já se comprovou em uma ampla gama de veículos eletrificados e é usado em muitas partes do mundo. Dependendo do modelo do veículo, a nova estação de carregamento ultrarrápida pode ser usada para veículos com sistemas de bateria de 400 e 800 volts. Em cada caso, a capacidade de carregamento fornecida ajusta-se automaticamente à capacidade de carga máxima permitida do veículo.