Veterano Hyundai Tucson sai de linha no Brasil

 

O veterano Hyundai Tucson saiu de linha no Brasil. A primeira geração do SUV era produzido na fábrica da Caoa em Anápolis (GO), mas deixou de ser fabricado para dar lugar aos novos Chery Tiggo 5X e Tiggo 7. Assim como os importados da marca sul-coreana, os carros da fabricante chinesa são representados no mercado nacional pela Caoa, o que explica a troca. Com a saída de linha do Tucson, o Brasil deixa de ser o único país do mundo onde as três gerações do modelo eram vendidas simultaneamente.

Permanecem no mercado os Hyundai ix35 e o  New Tucson. A primeira geração do SUV desembarcou por aqui em 2005 como veículo importado. A partir de 2010, passou a ser montado em Anápolis (veja o vídeo). O Tucson ainda aparece à venda no site da Caoa a partir de R$ 74.990. Porém, era difícil de ser encontrado nas concessionárias da empresa desde 2017. A Caoa dizia que o SUV era produzido sob encomenda.

Hyundai Tucson fez sucesso

No entanto, a fabricação estava parada há vários meses. Depois disso, as últimas unidades foram montadas há alguns dias. Quando foi lançado, o Hyundai Tucson fez sucesso. Porém, acabou perdendo espaço no mercado para concorrentes mais modernos. Isso ocorreu até mesmo para suas novas gerações que foram lançadas com outros nomes.

O SUV é equipado com motor flex de 2.0 litros, quatro cilindros, 16V, que desenvolve 146 cavalos de potência e 19,6 kgfm de torque com etanol. No caso de gasolina, são 142 cv e 19 kgfm. O câmbio é automático de quatro marchas. O Tucson oferecido no site da Caoa é equipado com ar-condicionado eletrônico e central multimídia. O modelo conta ainda com freios a disco nas quatro rodas com ABS e rodas de liga leve de 16 polegadas, além de outros itens.